Baxter realiza Universidade Latinoamericana de Hemofilia em Brasília

A Universidade da Hemofilia reuniu mais de 100 médicos da América Latina para discutir qualidade de vida e os novos protocolos de tratamento

Entre os dias 12 a 14 de setembro de 2013 aconteceu em Brasília, no Hotel Golden Tulip Alvorada, a 7ª edição da Universidade Latinoamericana de Hemofilia da Baxter. Esta iniciativa educacional é realizada em diversos países da região e trouxe desta vez ao Brasil mais de 100 médicos para discutir tratamentos e formas de melhorar a qualidade de vida das cerca de 10 mil pessoas que vivem com hemofilia no país.

O objetivo do encontro foi promover a educação médica com um programa abrangente, desde temas básicos até atualizações. “Esta iniciativa demonstra o compromisso da Baxter com a capacitação dos médicos e da equipe multidisciplinar com o intuito de melhorar os padrões de cuidados aos pacientes com hemofilia”, diz Luciana Giangrande, Diretora Médica. Por isso, os convidados e palestrantes convidados são médicos e outros profissionais de destaque do Brasil, México, Colômbia, Equador e Argentina que se dedicam a cuidar dos pacientes com hemofilia e se destacam em suas respectivas áreas.

Entre os destaques da programação estiveram as palestras do Dr. Guilherme Genovez, Coordenador Geral de Sangue e Hemoderivados do Ministério da Saúde, que discutiu o compromisso do Governo com a atenção à hemofilia no Brasil, e a Presidente da Federação Brasileira de Hemofilia Tânia Pietrobelli com a palestra “Hemofilia: a visão do paciente”. Estiveram presentes também palestrantes nacionais e internacionais que trataram de temas como a eficácia e segurança do tratamento profilático e sob demanda, modalidades de profilaxia com Fator VIII recombinante, segurança e considerações práticas da conversão de FVIII derivado de plasma para recombinante, prevenção de artropatia e cirurgia ortopédica, tratamento domiciliar, entre outros. “Foram dois dias inteiros de muita informação. Além da atualização, o evento permitiu que os presentes interagissem e iniciassem contatos para a resolução de dificuldades, ou a viabilização de projetos”, diz a Dra Cynthia Rothschild, Gerente Médica da Hemofilia.

Sobre a hemofilia

A hemofilia é uma alteração da coagulação do sangue de origem genética e hereditária provocada por uma deficiência na quantidade ou qualidade do fator de coagulação, por isso provoca sangramentos e hemorragias que comprometem as articulações e os músculos, causando dores, prejudicando a mobilidade e podendo causar invalidez. O tratamento da hemofilia consiste na reposição dos fatores de coagulação do sangue. O tratamento por demanda faz a reposição apenas durante as crises de sangramento. O preventivo é contínuo e se destina a prevenir as hemorragias. O tratamento das cerca de 10 mil pessoas com hemofilia cadastradas no Ministério da Saúde é totalmente custeado pelo SUS.

Sobre a Baxter International Inc.

A Baxter tem mais de 60 anos de experiência em hemofilia e introduziu uma série de inovações terapêuticas para estes pacientes. A empresa tem o maior portfólio de tratamentos de hemofilia na indústria, apoiando as escolhas individuais de terapia e fornecendo uma gama de opções em cada fase do tratamento. A empresa está focada em otimizar o atendimento e melhorar a vida das pessoas que vivem com hemofilia A e B em todo o mundo. Em 2012 firmou com a Hemobrás um acordo de transferência de tecnologia do Fator VIII recombinante livre de plasma e albumina.

A Baxter fornece tratamentos de FVIII derivados do plasma a pacientes com hemofilia no Brasil desde 1979, e terapia recombinante desde 1998.

A Baxter International Inc., por meio de suas subsidiárias, desenvolve, produz e comercializa produtos para pessoas com hemofilia, distúrbios imunológicos, doenças infecciosas, doenças renais, trauma e outras condições de saúde crônicas e agudas. O diversificado portfólio da empresa tem como foco tratamentos que salvam e prolongam vidas. Como uma empresa diversificada e global de saúde, a Baxter utiliza-se de uma combinação única de experiência em equipamentos médicos, medicamentos e biotecnologia para pesquisar e criar produtos que melhoram o cuidado aos pacientes em todo o mundo.